O Amor de Todo mundo
Para mudar o mundo ( Ítalo Rovere )

segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010

A uma certa Maria

Quero falar de uma Maria

Ausente, escondida

feito coruja nos campos

rasga mortalhas das noites

distante do mundo

sem saber ler nem escrever seu nome


Em sua infância tão pobre

um amiguinho invisível ensinou-a a inventar brinquedos

amarelos, verdes, azuis...

Eram brinquedos tão lindos!

Ninguém, senão Maria, tinha aquele privilégio

de brincar com o menino Jesus


Mas um dia Ele partiu...

deixando-a envergonhada de ter crescido assim

com uma sina obstinada, tatuada, corpo e alma

para levar a mensagem ao povo de Juazeiro

Teve chagas pelo corpo

teve a bocas alagada do sangue da hóstia consagrada

O sangue corria dos lábios, pela língua e pelas mãos

pelos paninhos brancos que o padre limpava o chão


Maria de Araújo!

Quem te fez assim tão forte

Sozinha na noite escura da cidadezinha pobre

desalentada, desacreditada pela Santa Inquisição?


Ah, essa Maria de tantas dores...

Insubmissa às leis humanas

deu comunhão a dois padres da primeira comissão

Insultada, perseguida pela Igreja arrogante

que não acreditava que Deus amava aquela mulher

pobre, negra e analfabeta.


O bispo não concebia que o divino condenava

a tripla discriminação

e escolheu a beata, chamada Maria de Araújo

pra transmitir ao seu povo sua mensagem de amor

como escolhera outrora

os tão pobres pescadores

homens analfabetos que se tornaram apóstolos

da fé que Jesus pregou


A beata do milagre afrontou a arrogância

da segunda comissão

E quando foi inquirida e lhe dada a hóstia na boca

falou com toda ousadia:

“Jesus Cristo tá dizendo, que a hóstia não sangrou

pois os padres da comissão não estão em estado de graça

pra me dar a comunhão”


Por isso foi torturada,

Presa na sozinha cela da Casa de Caridade

Ao voltar pra sua terra

Morreu triste e esquecida

Sem véu, sem nome, sem lar

Padre Cícero ordenou dar-lhe enterro merecido

Mas mesmo depois de enterrada

ainda foi injustiçada

Teve o túmulo violado

como quem nunca nasceu

Mas um dia Juazeiro vai lembrá-la com amor

e dar-lhe a paz merecida

sabendo que Jesus Cristo

amou aquela mulher ousada e destemida


Que assim seja!


Nilze Costa e Silva

2 comentários:

SOS DIREITOS HUMANOS disse...

DENÚNCIA: SÍTIO CALDEIRÃO, O ARAGUAIA DO CEARÁ – UMA HISTÓRIA QUE NINGUÉM CONHECE PORQUE JAMAIS FOI CONTADA...




"As Vítimas do Massacre do Sítio Caldeirão
têm direito inalienável à Verdade, Memória,
História e Justiça!" Otoniel Ajala Dourado




O MASSACRE APAGADO DOS LIVROS DE HISTÓRIA


No município de CRATO, interior do CEARÁ, BRASIL, houve um crime idêntico ao do “Araguaia”, foi o MASSACRE praticado por forças do Exército e da Polícia Militar do Ceará em 10.05.1937, contra a comunidade de camponeses católicos do Sítio da Santa Cruz do Deserto ou Sítio Caldeirão, que tinha como líder religioso o beato "JOSÉ LOURENÇO", paraibano de Pilões de Dentro, seguidor do padre Cícero Romão Batista, encarados como “socialistas periculosos”.



O CRIME DE LESA HUMANIDADE


O crime iniciou-se com um bombardeio aéreo, e depois, no solo, os militares usando armas diversas, como metralhadoras, fuzis, revólveres, pistolas, facas e facões, assassinaram na “MATA CAVALOS”, SERRA DO CRUZEIRO, mulheres, crianças, adolescentes, idosos, doentes e todo o ser vivo que estivesse ao alcance de suas armas, agindo como juízes e algozes. Meses após, JOSÉ GERALDO DA CRUZ, ex-prefeito de Juazeiro do Norte, encontrou num local da Chapada do Araripe, 16 crânios de crianças.


A AÇÃO CIVIL PÚBLICA AJUIZADA PELA SOS DIREITOS HUMANOS


Como o crime praticado pelo Exército e pela Polícia Militar do Ceará É de LESA HUMANIDADE / GENOCÍDIO é IMPRESCRITÍVEL pela legislação brasileira e pelos Acordos e Convenções internacionais, por isto a SOS - DIREITOS HUMANOS, ONG com sede em Fortaleza - CE, ajuizou em 2008 uma Ação Civil Pública na Justiça Federal contra a União Federal e o Estado do Ceará, requerendo que: a) seja informada a localização da COVA COLETIVA, b) sejam os restos mortais exumados e identificados através de DNA e enterrados com dignidade, c) os documentos do massacre sejam liberados para o público e o crime seja incluído nos livros de história, d) os descendentes das vítimas e sobreviventes sejam indenizados no valor de R$500 mil reais, e) outros pedidos



A EXTINÇÃO SEM JULGAMENTO DE MÉRITO DA AÇÃO


A Ação Civil Pública foi distribuída para o Juiz substituto da 1ª Vara Federal em Fortaleza/CE e depois, redistribuída para a 16ª Vara Federal em Juazeiro do Norte/CE, e lá foi extinta sem julgamento do mérito em 16.09.2009.



AS RAZÕES DO RECURSO DA SOS DIREITOS HUMANOS PERANTE O TRF5


A SOS DIREITOS HUMANOS apelou para o Tribunal Regional da 5ª Região em Recife/PE, argumentando que: a) não há prescrição porque o massacre do Sítio Caldeirão é um crime de LESA HUMANIDADE, b) os restos mortais das vítimas do Sítio Caldeirão não desapareceram da Chapada do Araripe a exemplo da família do CZAR ROMANOV, que foi morta no ano de 1918 e a ossada encontrada nos anos de 1991 e 2007;



A SOS DIREITOS HUMANOS DENUNCIA O BRASIL PERANTE A OEA


A SOS DIREITOS HUMANOS, igualmente aos familiares das vítimas da GUERRILHA DO ARAGUAIA, denunciou no ano de 2009, o governo brasileiro na Organização dos Estados Americanos – OEA, pelo desaparecimento forçado de 1000 pessoas do Sítio Caldeirão.


QUEM PODE ENCONTRAR A COVA COLETIVA


A “URCA” e a “UFC” com seu RADAR DE PENETRAÇÃO NO SOLO (GPR) podem encontrar a cova coletiva, e por que não a procuram? Serão os fósseis de peixes procurados no "Geopark Araripe" mais importantes que os restos mortais das vítimas do SÍTIO CALDEIRÃO?



A COMISSÃO DA VERDADE


A SOS DIREITOS HUMANOS busca apoio técnico para encontrar a COVA COLETIVA, e pede que o internauta divulgue esta notícia em seu blog, e a envie para seus representantes no legislativo, solicitando um pronunciamento exigindo do Governo Federal Brasileiro que informe o local da COVA COLETIVA das vítimas do Sítio Caldeirão.



Paz e Solidariedade,



Dr. OTONIEL AJALA DOURADO
OAB/CE 9288 – 55 85 8613.1197
Presidente da SOS - DIREITOS HUMANOS
Membro da CDAA da OAB/CE
www.sosdireitoshumanos.org.br

almaviva disse...

Meu nome è Maria, sou italiana morando no Brasil. Com meu blog
http://ocaminhodafloresta.blogspot.com/
estou tentando de entender os simbolos e as tendencias do Brasil
atual.Seu blog me està ajudando muito. Obrigada!
Maria

Postar um comentário

O amor de todo mundo Para mudar o mundo.... (Ítalo Rovere) Abraços Poéticos

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Justin Bieber, Gold Price in India